sábado, 12 de junho de 2010

Oboístas Humbert Lucarelli, José Medeiros e Moisés Pena em Belém do Pará - Encontro de grandes amigos

Finalmente consegui um tempinho para escrever no meu blog. Cheguei até sentir um cheiro de poeira (Risos), mas já está tudo resolvido.
No início do mês de junho, após um belíssimo concerto na minha orquestra (Filarmônica de Minas Gerais) em Belo Horizonte, vim para minha terra natal Belém-PA para reencontrar duas pessoas muito importantes para mim. Meus professores Humbert Lucarelli e José Medeiros. Lucarelli é professor de oboé em três universidades de Nova Yorque (Purchase College, Queens College, NYU) e na Hartt Music School em Hartford, Connecticut. José Medeiros (carinhosamente conhecido como Bobó) é oboísta solo da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro de Brasília. Lucarelli veio ao Brasil pra lecionar oboé e também dar uma "palhinha" no recital de oboé realizado no último dia 07/06.

*Para quem não sabe, o termo "oboísta" quer dizer músico que toca o instrumento oboé*

Esse reencontro foi muito especial para mim. Graças ao esforço e incentivo desses dois grandes músicos *(currículos no final do texto), me tornei um oboísta profissional. Comecei a estudar oboé com o Bobó em Belém em 1998 e em 2006 fui para Nova Yorque estudar com o Lucarelli. Bobó e eu cultivávamos um sonho: trazer à Belém o Prof. Lucarelli para dar aulas e tocar conosco. Finalmente esse sonho se realizou e somos muito gratos à FAM (Fundação Amazônica de Música) na pessoa da sua presidente Profa. Glória Caputo e toda a sua equipe. Sem o apoio dela, seria impossível trazê-lo de Nova Yorque para Belém.

O recital de oboé foi uma festa entre amigo
s. Eu apresentei as peças "Seis Metamorfoses para Ovid" do compositor inglês Benjamin Britten e "Pavane para uma criança defunta" de Maurice Ravel (arranjo para Corne Inglês e piano). Bobó tocou a Sonatina para oboé e piano do compositor brasileiro Sergio Nogueira; e para encerrar a festa apresentamos a peça "Chegada da Rainha de Sabá" de Handel. Dividir o palco com esses dois gênios foi emocionante.



Fomos também a Estação das Docas para um belíssimo jantar. Lucarelli ficou maravilhado com o o nosso peixe. Me perdoem meus amigos americanos, mas não existe peixe de qualidade em lugar nenhum que nem o nosso em Belém do Pará! E o nosso sorvete de frutas? As fotos falam por si (Risos).


Ao olhar os alunos da FAM recebendo instruções do Lucarelli, me senti cheio de alegria e bastante realizado. Foi como se eu tivesse voltado ao ano de 2001, quando participei do Festival Eleazar de Carvalho em Fortaleza e tive meu primeiro contato com ele. Poder retribuir o esforço de quem acreditou em mim é um atitude digna que traz um enorme prazer. Fico imaginando como será a carreira desses meninos que hoje tem a mesma chance se serem apoiados por pessoas que acreditam neles.


Pude também apresentá-lo aos meus pais. Apesar do meu enorme receio da nossa culinária paraense trazer algum efeito negativo a ele (que tem 73 anos e nunca ouviu falar em maniçoba), o Prof. Lucarelli não somente comeu maniçoba como também caruru, torta de bacalhau e não resistiu em experimentar o nosso açaí. Depois perguntei se ele passou bem nas horas seguinte e ele disse que estava tudo bem, mas que não comeu mais nada até o dia seguinte...(Risos) O Bobó como sempre apegado com o peixe que a minha mãe faz...(Risos). Meus pais sempre oraram por eles e foi um prazer enorme tê-los em nossa casa.


Peço a Deus que nos dê mais e mais reencontros agradáveis e especias como este. Obrigado Lucarelli e Bobó por fazerem parte da minha trajetória!


* Humbert Lucarelli - É considerado um dos mais notáveis músicos dos Estados Unidos. Aclamado pelo The New York Times como o “oboísta das Américas”, foi recentemente citado no Dicionário Groves de Música e Músicos como renomado oboísta americano.

No verão de 2002 foi o primeiro oboista americano a ser convidado para se apresentar e lecionar no Conservatório Central de Música em Pequim, China. Em atuações com orquestra, apresentou-se com alguns dos mais conceituados regentes, incluindo Leonard Bernstein, Arthur Fiedler, Kiril Koldrashin, James Levine, Dimitri Mitropoulos, Arthur Rodzinsky, “Sir” George Solti, Leopold Stokowski e Igor Stravinsky. Apresentou-se nos Estados Unidos, Canadá, Mexico, America do Sul, Europa, Japão, Australia e Asia. Foi professor em diversos festivais de música como Angel Fire, Aspen, Chautauqua, Marblehead, Marthas Vineyard, Music Mountain, Newport, Puebla (Mexico), Victoria International (Canadá) e Festival Eleazar de Carvalho em Fortaleza-Ceará.

Possui varios CDs lançados pelos selos Koch International, Lyrichord, MCA Classics, BMG CLASSICS, Musical Heritage Society, Pantheon and Stradivari.

É professor de Oboé na The Hartt School of Music da Universidade Hartford, CT, no Conservatory of Music da SUNY-Purchase College, da Aaron Copland School of Music e da New York University.


* José Medeiros -Natural de Patos (PB), começou a estudar oboé aos 14 anos com o professor Roberto Carlos di Leo na UFPB, onde conclui o bacharelado em Música. Foi oboé principal das Orquestras Sinfônicas da Paraíba, Recife e Theatro da Paz (Belém) e da Filarmônica Norte-Nordeste. Como professor, atuou em vários Festivais no Brasil e no exterior, tais como: Festival Eliazar de Carvalho (Fortaleza – CE), Festival de Inverno de Londrina – PR, Festival das Sete Artes de Palmas – PR, Festival Internacional de Música de Câmara do Pará, Festival de Artes de Tunja – Colômbia; e lecionou oboé na Universidade Federal do Amazonas e no Conservatório Carlos Gomes de Belém do Pará.

Atualmente é oboé principal da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Cláudio Santoro, professor de oboé da Universidade de Brasília, professor de oboé do Programa de Módulos do Conservatório Carlos Gomes em Belém-PA e integrante do Quinteto Brasília.

3 comentários:

Teste disse...

Que felicidade, mas um sonho seu realizado!

Parabens Meu Amor!

Angelica C. Pena

aendrew disse...

po cara massa... como vc naum comunica agente aki q tem esse conteudo ???


mais muito massa viu!!!

Wanderley Oboísta ccb disse...

Olá parabéns pela trajetória e pela família
Sou estudante de oboé na ccb mais tenho muitas dificuldade
de achar boas dicas de profissionais.

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...